segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Lei do Efeito: E. L. Thorndike.


Edward Lee Thorndike (1874-1949)
Um nome de grande importância para a forma de pensar em psicologia, denominada associacionismo, bem como para a psicologia educacional, é o do psicólogo americano Edward Lee Thorndike. Apartir dos seus estudos com animais, Thorndike postulou a Lei do Efeito, um princípio de aprendizagem que seria aplicável tanto ao comportamento animal quanto ao comportamento humano. A Lei do Efeito afirma que aquelas ações que têm resultados agradáveis para o animal (incluindo o homem) tendem a se repetir, enquanto que as que têm resultados desagradáveis, tendem a desaparecer.
Não é difícil reconhecer nesses princípios as semelhanças com o chamado Condicinamento Operante, proposto por B. F. Skinner alguns anos mais tarde. Thonrdike lança, portanto, as bases de uma das mais influentes correntes psicológicas: o behaviorismo.
Um de seus experimentos mais conhecidos foi, certamente, a caixa problema. Neste engenhoso dispositivo, Thorndike colocou um gato preso em uma gaiola, apartir da qual o animal só poderia sair mediante algumas ações tais como puxar cordas e abrir ferrolhos.
Para garantir a "motivação" do animal, era colocada uma porção de alimento do lado de fora da gaiola, de maneira que o gato não pudesse alcançá-lo do lado de dentro do dispositivo. À medida que o gato era reintroduzido na caixa, o número de tentativas até obter êxito diminuia. O vídeo postado abaixo ilustra muito bem este experimento.
Thorndike também deu grandes contribuições à psicologia educacional, sendo considerado um dos precursores desse campo do conhecimento, já que em 1903, ainda na "infância" da psicologia científica, publicou um livro intitulado Educational Psychology.





Nenhum comentário:

Postar um comentário